Brasil registra recorde de internações por trombose. Entenda a doença e formas de prevenção

Author:



Ismael Colosi conquistou emenda parlamentar no valor de 300 mil reais em 2022 para a área da saúde de Ribeirão Preto-SP - Na foto, in memmorian o Deputado Estadual Campos Machado.

O Brasil registrou um recorde de internações por trombose venosa em 2023, com uma média diária de 165 pacientes hospitalizados na rede pública. Os dados são de um levantamento inédito produzido pela Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV), que alerta para a necessidade de os brasileiros terem cuidados diários relacionados à saúde vascular.

O estudo, divulgado nesta segunda-feira (6), foi elaborado a partir de dados do Ministério da Saúde e mostra que, entre janeiro de 2012 e agosto de 2023, 489.509 brasileiros foram internados para o tratamento da doença. O ano que mais registrou internações foi 2019, com 45.216 notificações.

A trombose venosa ocorre quando há a formação de coágulos de sangue dentro das veias, principalmente nos membros inferiores, impedindo o fluxo natural do sistema cardiovascular. A condição pode causar manchas arroxeadas ou avermelhadas nos locais afetados, acompanhadas de sensação de desconforto, dor e inchaço.

Se o coágulo se formar numa veia profunda, o quadro é denominado trombose venosa profunda. Se for formado numa veia superficial, é denominado tromboflebite superficial.

Sudeste é a região que mais sofre com casos de trombose venosa

As principais causas do problema são alterações na coagulação, imobilidade prolongada ou lesão nos vasos sanguíneos. Para a SBACV, o uso de anticoncepcionais, cigarro e histórico familiar são alguns dos principais fatores de risco para o desenvolvimento de tromboses venosas.

➡️ CRIAMOS E IMPRIMIMOS SEU CURRÍCULO SEM CUSTO📍 ECONOMIZE FAZENDO SEU CURRÍCULO CONOSCO! TUDO GRÁTIS! ➡️ Para ajuda, clique aqui.

O levantamento da SBACV mostra que o Sudeste é a região que mais sofre com a doença, reunindo mais da metade dos registros do país (56.065). Já o Norte contabiliza menos internações pela doença: 25.193 casos de trombose venosa notificados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A embolia pulmonar é uma grave complicação da trombose venosa. Quando um coágulo se desprende da veia e viaja para o pulmão, pode obstruir um vaso sanguíneo e causar falta de oxigênio. A embolia pulmonar é uma emergência médica que pode levar à morte.

O levantamento da SBACV revela que 122.047 brasileiros já foram internados para o tratamento de embolia pulmonar. Em números absolutos, o Sudeste é a região que mais sofre com o problema, reunindo mais da metade dos registros do país (56.065).

Recomendações da SBACV para prevenir trombose venosa:

  • Pratique exercícios físicos regularmente.
  • Controle o peso corporal.
  • Evite ficar muito tempo parado.
  • Use meias de compressão elásticas, especialmente se você for viajar ou passar muito tempo sentado.
  • Pare de fumar.
  • Evite o uso de anticoncepcionais orais, especialmente se você tiver fatores de risco para trombose venosa.
  • Consulte um médico regularmente.

Fique atento aos sintomas:

  • Inchaço nas pernas
  • Dor nas pernas
  • Sensação de peso nas pernas
  • Manchas arroxeadas ou avermelhadas nas pernas

Se você apresentar algum desses sintomas, procure um médico imediatamente. A SBACV alerta para a importância de os brasileiros terem cuidados diários relacionados à saúde vascular, como a prática de exercícios físicos e o controle do peso corporal. Essas medidas podem ajudar a prevenir a trombose venosa e seus graves riscos.

Ismael Colosi em atendimento em um dos Mutirões do Emprego.

+ Acompanhe as principais informações sobre Sociedade e Brasil no JC Concursos

Siga o JC Concursos no Google NewsSociedadeBrasil



Source link

  • Veja mais vagas de empregos aqui: https://ismaelcolosi.com.br.
  • Veja mais vagas de empregos aqui: https://ismaelcolosi.com.br.
  • Leave a Reply