Atenção MEI! Você precisa saber disso antes de contratar um funcionário

Autor(a):


Contratar um funcionário requer atenção e cuidado, visto que o colaborador terá sua carteira de trabalho assinada, o que garante a ele todos os direitos trabalhistas. Desse modo, segundo a legislação vigente, o empregador deve arcar com todos esses direitos a fim de ficar em ordem com a regulamentação.

Assim sendo, para que você, que é um Microempreendedor Individual (MEI) saiba tudo o que precisa antes de assinar a carteira de um colaborador, reunimos algumas das principais informações para te passar.

Acompanhe a leitura até o final e confira!

Atenção MEI! Você precisa saber disso antes de contratar um funcionário

Assim como muitos já sabem, ao formalizar-se como MEI, o trabalhador adquire a possibilidade de contratar um funcionário para auxiliar na condução do seu negócio.

Entretanto, como já mencionado, essa contratação requer alguns cuidados, pois é necessário arcar com todos os custos de assinar a carteira desse colaborador.

Dessa maneira, ao contratar, é fundamental compreender os direitos do empregado do MEI. Isso porque além dos direitos básicos garantidos por lei, como salário mínimo, repouso semanal remunerado, férias, décimo terceiro salário e FGTS, é importante observar as convenções do sindicato da categoria, que podem estabelecer benefícios adicionais, como:

  • Vale-refeição;
  • Plano de saúde e;
  • Cesta básica.

Portanto, conhecer os direitos do empregado é o primeiro passo para uma contratação bem-sucedida.

Como se preparar para a contratação?

Ademais, antes de iniciar o processo de contratação, é necessário se preparar adequadamente.

Sendo assim familiarize-se com o eSocial, um sistema que unifica as informações dos trabalhadores no Brasil, e compreenda as leis trabalhistas vigentes. Isso garantirá que você esteja em conformidade com as obrigações legais e os direitos do seu funcionário.

Além disso, siga as seguintes orientações para evitar problemas na contratação:

Faça uma pré definição dos critérios para contratação

Primeiramente, para escolher o candidato ideal, é importante definir os critérios que são essenciais para a vaga que você está oferecendo. Desse modo, leve em consideração a experiência, habilidades e competências necessárias para desempenhar as funções do cargo. Isso ajudará a simplificar o processo de recrutamento e seleção.

Além disso, ao recrutar um funcionário, lembre-se de que, como MEI, você só pode contratar um colaborador. Portanto, escolha o candidato que melhor se encaixe nos critérios estabelecidos e conduza um processo de recrutamento e seleção justo e transparente.

Realize o exame médico admissional

O exame médico admissional é um requisito importante antes de qualquer contratação. Ele garante que o candidato está apto para o trabalho e não possui restrições médicas que possam afetar seu desempenho no cargo.

Dessa maneira, certifique-se de cumprir esse passo.

Reúna a documentação necessária para admissão

Reúna a documentação necessária para a admissão do funcionário. Isso inclui:

  • Documentos pessoais;
  • Comprovante de escolaridade;
  • Atestado médico de saúde ocupacional;
  • Certidão de nascimento ou casamento;
  • Certificado militar (para homens maiores de 18 anos) e;

Declaração de dependentes para fins de imposto de renda na fonte.

Elabore o contrato de trabalho

Elaborar um contrato de trabalho é um passo crucial na contratação de um funcionário. Sendo assim, o documento deve conter informações detalhadas, como:

  • Dados completos do empregador e empregado;
  • Data de admissão;
  • Salário mensal;
  • Cargos ocupados;
  • Funções e responsabilidades;
  • Duração do contrato de trabalho (determinado ou indeterminado) e;
  • Local de trabalho.

Faça o cadastro no eSocial

Conforme mencionado acima, o eSocial é um sistema que centraliza informações trabalhistas e previdenciárias. Assim, empregador e empregado devem ser cadastrados nesse sistema. Isso garante o cumprimento correto de todas as obrigações legais, como recolhimento de INSS e FGTS.

Fique atento as obrigações anuais do MEI

Finalmente, é crucial estar atento às obrigações anuais que envolvem a contratação de um funcionário como MEI. Isso inclui:

  • O pagamento de férias;
  • 13º salário e outros benefícios previstos por lei.

Ademais, vale ressaltar que desde janeiro de 2022, o recolhimento do INSS e do FGTS para o MEI foi unificado na Guia DAE. Esse processo simplificado torna o cumprimento de obrigações legais mais eficiente para o empregador.

Veja as diretrizes para demissão e rescisão contratual

Além das informações já citadas, também é fundamental entender as diretrizes para demissão e rescisão contratual ao contratar um funcionário como MEI. Isso ocorre porque, caso seja necessário encerrar o vínculo empregatício, o empreendedor deve seguir as regras que a lei estabelece, garantindo que o processo seja justo e legal.

Além disso, é importante estar ciente das obrigações e prazos referentes ao pagamento de verbas rescisórias e documentação envolvida na rescisão do contrato de trabalho.

Agora que você, que é MEI, já sabe tudo o que precisa antes de contratar um funcionário, fique atento às instruções e evite problemas!

Siga o Notícias Concursos no Google News e receba novidades sobre Benefícios Sociais, Concursos, Empregos, Dicas e muito mais.

Participe de nosso Whatsapp e fique informado(a) em tempo real gratuitamente.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *